sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Lisboa, 28 de Outubro

Quando acordei, já me encontrava no hospital, rodeada por médicos e enfermeiros. Não tinha noção do tempo, lembrava-me apenas do local em que me encontrava antes de desmaiar, podiam já ter passado horas ou até mesmo dias, mas era como se o tempo parasse, e clicasse agora no play.
Ainda a tentar voltar à minha racionalidade total, tentava ouvir ao longe, o que o médico dizia, e quando me apercebi, a conversa era entre a minha mãe, um médico e um psicólogo, contudo a conversa terminou e não percebi do que se tratava e muito menos porque é que o psicólogo estava incluído nela.
Mais tarde, os três caminharam até junto da minha cama, e explicaram o que acontecera comigo naquele dia. À medida que iam falando, os fantasmas do passado invadiam a minha mente, imagens confusas e desfocadas eram libertadas ao longo do meu pensamento, episódios na minha vida estavam a ser revividos desde o inicio da minha bulimia até ao ponto que ela me destrói. Sentia-me incapaz de pronunciar uma simples palavra e quando voltei a focar as faces dos médicos e da minha mãe, apenas via as lágrimas a escorrerem pela minha face. As lágrimas de uma bulimica e agora de uma anoréctica .
Liliana

12 comentários:

  1. Mas já tinhas visto a saga? (:
    Eu gostei mesmo muito, adoro a saga!
    E sim, o assassino foi um pouco baseado no Scream (em geral). E muito obrigado por teres gostado tanto de ambos os posts :D

    ResponderEliminar
  2. Os Scream nunca se trataram de um filme de terror, mas uma sátira ao terror! E Wes Craven é o máximo a fazê-lo...
    Não achei a última parte parva, mas normal... Pois acaba sempre assim os Scream xD

    ResponderEliminar
  3. Podes mesmo crer... A ilusão é tão mais nossa amiga, mais meiga, menos... real.

    Ahaha, obrigado! Ainda bem que te fiz rir, eu gostei muito de escrever aquela crítica, também me ria quando ia escrevendo xP

    ResponderEliminar
  4. Obrigado Leonor xP
    (Já não postas aqui há um tempito...)

    ResponderEliminar
  5. Toda a gente ia tentar perceber o que era aquilo xD

    ResponderEliminar
  6. Hm, duvido que vá ter continuação. Mas obrigada :)

    ResponderEliminar
  7. Porque não consigo termina-la. Deixou de fazer sentido :s

    ResponderEliminar